[Download Pdf] ♼ Os Retornados ♞ Pb-reisen-gewusst-wie.de

Considerei as personagens pobres, o enredo pobre O tema, contudo, dava a possibilidade de um romance muito mais desenvolvido, muito mais profundo e pertinente Especialmente tendo em conta a pesquisa a que deve ter obrigado Deu me a ideia de que o J lio n o teve de se esfor ar muito porque, com um nome sonante, era certo que venderia. Not really a remarkable book, but good if you re looking for not much of a thinker romance Good summer book. [Download Pdf] ☪ Os Retornados ♣ Outubro, Quando O Avi O Levantou Voo Deixando Para Tr S A Ba A De Luanda, Carlos Jorge Tentou A Todo O Custo Controlar A Emo O Em Angola Deixava Um Peda O De Terra E De Vida Acompanhado Pela Mulher E Filhos, Partia Rumo Ao Desconhecido A Uma P Tria Que N O Era A Sua Joana N O Ficou Indiferente Ao Drama Dos Passageiros Que Sobrelotavam O Voo O Mais Dif Cil Da Sua Carreira Como Hospedeira No Meio De Tanta Tristeza, Joana N O Conseguia Esquecer O Olhar Firme E Decidido De Carlos Jorge N O Percebia Porqu , Mas Aquele Homem Perturbava A Profundamente Despertava A Para A Dura Realidade Da Descoloniza O Portuguesa E Para Um Novo Sentimento Que S Viria A Ser Desvendado Vinte Anos Mais Tarde Foram Milhares Os Portugueses Que Entre E Fizeram A Maior Ponte Rea De Que H Mem Ria Em Portugal Em Angola, A Luta Pelo Poder Dos Movimentos Independentistas Espalhou O Terror E A Morte Por Um Pa S Outrora Considerado A J Ia Do Imp Rio Portugu S Naquela Espiral De Viol Ncia, N O Havia Outra Solu O Sen O Abandonar Tudo Emprego, Casa, Terras, F Bricas E Amigos De Uma Vida LETRAS ILETRADAS RETORNADOSA journalist is trained to simplify and thrill his audience Only a few can create a good story The first book of J lio Magalh es is a successful case.The simple writing, the clear language and a misterious story transpires a journalist s vision of an historical romance The suspense, in every line, fills the reader with expectations, frustrations and even happiness, that quickly fade away.This book mixes the trust of the optimist of a better life with the dismay of those who abandon not only a house and a job but also hope.There s a lot to say about the colonialism era of Portugal, but not many books tell the story through the people s voice The abandonment, the lost, the waiver These feelings are showed in casual but fill of emotion conversations between Joana and the passengers of the 233 Flight The trip from Luanda to Lisbon bridges the dichotomy of a controversial war Os Retornados arouses a reflection on consciousness, love and life The fear of starting over and the little hope to face the future are spicied, brightly, with a little sugar on the top of some fried eggs. Outubro de 1975 Quando o avi o levantou voo deixando para tr s a ba a de Luanda, Carlos Jorge tentou a todo o custo controlar a emo o Em Angola deixava um peda o de terra e de vida Acompanhado pela mulher e filhos, partia rumo ao desconhecido A uma p tria que n o era a sua Joana n o ficou indiferente ao drama dos passageiros que sobrelotavam o voo 233 O mais dif cil da sua carreira como hospedeira No meio de tanta tristeza, Joana n o conseguia esquecer o olhar firme e decidido de Carlos Jorge N o percebia porqu , mas aquele homem perturbava a profundamente Despertava a para a dura realidade da descoloniza o portuguesa e para um novo sentimento que s viria a ser desvendado vinte anos mais tarde Foram milhares os portugueses que entre 1974 e 1975 fizeram a maior ponte rea de que h mem ria em Portugal Em Angola, a luta pelo poder dos movimentos independentistas espalhou o terror e a morte por um pa s outrora considerado a j ia do imp rio portugu s. Este livro demonstrou se de leitura f cil e acess vel, tem um final bonito e demonstra e transmite bem os sentimentos e pensamentos de pessoas que passaram pela dificuldade da descoloniza o de 1975 Conseguimos ver uma grande pesquisa e trabalho por parte do autor e que grande parte deste livro bastante explicativo com os acontecimentos deste ano.No entanto, achei um romance fraco em termos de desenvolvimento, pois este apenas desenvolvido num tom mais s rio nos ltimos cap tulos dando mais uma sensa o de passagem r pida do que de um amor primeira vista que se tornou intenso e completo, como deveria de ser Ou seja, na minha opini o, um livro que tem como tema principal o romance misturado numa importante peda o de hist ria, devia demostrar um amor apaixona te, ardente e sufocante no bom sentido, mas acaba por nos entregar uma troca de falas que s desenvolvida passado 27 anos e de maneira muito r pida, concentrado se muito na parte t cnica da hist ria dos acontecimentos e n o na fic o do romance.Considero este livro mediano. JE no BC N o estava espera de ficar t o agarrada a este livro Mas li o em 2 dias Gostei bastante deste romance que retrata um per odo bastante complicado Para quem esteve em Angola acho que vai gostar muito do livro Eu n o estive, mas os meus pais fazem parte desses retornados , pois vieram para Portugal em 1977 se n o me engano, e foram tratados como tal Nasceram em Mo ambique e o meu irm o no Zimbabwe Eu fui a nica que nasci em Lisboa Sei que deixaram para tr s muita coisa N o deu para trazerem quase nada muito triste come ar do zero, mas teve de ser Gostei Deu me vontade de ir a frica Eu sou retornado, daqueles que l nasceu mas veio t o pequeno que n o se lembra de nada Dito isto comentemos o livro N o uma grande obra liter ria, pelo contr rio s vezes mistura tempos verbais e usa estilos t picos de jornalista Mas ainda assim gostei do livro porque o tema me diz algo E compreendo que seja um sucesso de vendas porque muita gente que esteve em Angola deve rever se no texto E por isso talvez seja um livro s para retornados. J lio Magalh es, jornalista conhecido, estreou se na fic o com este Os Retornados Nele retrata o drama de todas as pessoas que num acto de desespero regressaram a Portugal ap s o 25 de Abril de 1974 Confesso que estava espera de um livro um pouco diferente um livro com uma forte componente hist rica, onde os factos reais se sobrep em aos factos ficcionais e n o sei se isso me agrada quando o que eu procuro , na realidade, uma hist ria inventada Nesse aspecto desiludiu me um pouco.Mas v se uma pesquisa muito intensa e muito detalhada por parte do autor, tanto que por vezes tive a sensa o de estar a ler um livro t cnico sobre esse tema Depois l aparecia a Joana, personagem principal, e voltava a entrar na fic o E gostei Gostei do enredo, apesar de o achar um tanto ou nada previs vel No seu conjunto um livro com uma leitura agrad vel, que nos d a conhecer o outro lado do 25 de Abril, daqueles para quem a revolu o n o trouxe uma melhor qualidade de vida. Once again, I was surprised by this Author Having lived in Africa myself as a child although having returned much before the retornado years, this book spoke to my heart The Author maintains a clear neutrality, telling the stories and view points with richness and fidelity to history Loved the book.Maria Carmo,Lisbon 27 January 2016.